Tag Archives: casas de férias

Portugal, o país o mais seguro da Europa

… e eu me atrevo a reclamar sobre o presidente do município, que me prometeu coisas numa conversa pessoal, e depois nunca mais comunica sobre como o projeto vai ser realizado, o que teste a minha confiança nos políticos até o último limite … enquanto ouvi as histórias sobre a situação em África do Sul …. realmente –  não pode imaginar!

Nunca realizei-me que vivemos no país o mais seguro da Europa! Portugal fica no nº 3 da lista mundial, e nº 1 deste continente

Uma pessoa tem ocasionalmente de lidar com coisas burocráticas, e os leais leitores deste blog sabem que sou uma fã de burocracia …

Além do município, prometendo coisas que, provavelmente, acontecerão num futuro neste planeta, tivemos um pequeno ataque de pânico na conexão com o mundo exterior. Nosso provedor de serviços de internet enviou uma carta bastante incompreensível com números de muitos artigos –  artigo XXX, sub 19 ad A desta-e-desta data, número de lei assim-e-assim, e se não respondemos antes do final de Agosto, provavelmente seríamos desconectados.

Isso tornaria muito mais fácil se eles escrevessem as suas cartas numa linguagem compreensível.

Isso felizmente foi resolvido, porque as pessoas hoje em dia não podem ir sem internet!

Isso é um pouco diferente na África do Sul –  ouvi as histórias de Athol, que veio conversar algumas vezes.

blogue_Portugal-o-pais-mais-seguro-da-europa

Athol é o pai de uma família sul-africana que foi nosso hóspede por um tempo. Convidando para ouvir histórias sobre como ele vai “lá”. A sua internet pode ser encerrada, mesmo sem uma carta incompreensível prévia, e tenta explicar isso ao provedor.

Primeiro espera numa fila de 10 metros para a metade da manhã, e então tem que pagar uma multa de 25,000 rand. Sim, é claro, a pessoa atrás da mesa também entende que é um erro, mas não pode fazer nada para resolver o problema.

Para isso vai ter que trabalhar vários dias

Agora, esta burocracia provavelmente custou-me alguns anos da minha vida, em qualquer caso por vários anos de alegria, mas estamos a falar de outro calibre de burocracia.

Em Joanesburgo, tens que deixar uma carta colorida se desejas resultados, e cá isso já é o passado.

É possível que um presidente aqui ainda goste de ir a um “clube” com o contratador local, mas “lá” esse tipo de corrupção aumentou para o nível mais alto. E todos são afetados por isso, porque esses subornos têm vir de algum lugar.

Athol era um fotografo, fotografo dos notícias 

Esse foi um trabalho difícil. Sair todos os dias para informar sobre coisas terríveis. Refúgios em prédios de apartamentos, assassinatos e assassinos, acidentes e marchas de protesto – muitas marchas de protesto.

“Não consegui vê-lo mais  nem cheira-lo”, ele diz com muita emoção e, com meu olhar espantado, ele explica: “Eles sempre queimam pneus velhos. Isso atrai a atenção”.

“Oh, isso cheira terrível”, digo, e sim, “Sim, não consegui cheirar. Felizmente, recebi uma herança. Herdei o negócio da minha família – um comércio de dobradiças e fechaduras antigos para gabinetes e escritórios e coisas do gênero. Nós ainda vivemos disso até hoje.”

Ele cria visitar algumas lojas antigas, ainda temos algumas aqui

blogue_Portugal-o-pais-mais-seguro-da-Europa

Ótimo! Eu também gosto muito disso, mas não sobraram muitos. Em Soure há um sobrevivente, mas em Coimbra ainda podes encontrar alguns, embora precisas saber para onde ir.

Eles estavam felizes com as minhas dicas. E feliz com a paz nas Termas

Posso imaginar, Portugal é um dos países mais seguros do mundo e é classificado como o mais seguro da Europa. Em Lisboa, Porto e Coimbra há tantos turistas, porque muitas pessoas perceberam isso. Mas aqui nas áreas periféricas ainda é silencioso. E raramente cheira a borracha queimada de pneus …

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em segunda-feira em LinkedIn.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....

Abrigo para galinhas

Estou no carro da minha irmã. Ela conduz bastante rápido no trânsito da cidade, e já não estou acostumada. Vivemos fora da cidade, no campo, numa zona agrícola. Às vezes passa uma trator ou um carro, mas já foi anos que fiquei presa no trânsito. Talvez até 20 anos atrás.

Na Holanda, as estradas estão mais cheias, mas é porque estamos na parte com o mais movimento do país. Sempre tenho que me acostumar com o fato de que ela está a conduzir atrás de outro carro, quase sem espaço nenhum entre os mesmos – ela quase cola no pára-choque do carro em frente dela, mas todos fazem isso.

Tens que colar, senão não há espaço

Depois de uma hora estou acostumada, porque a minha irmã não é apenas alguém que conduz rapidamente, ela também é uma condutora muito boa, então eu me sinto completamente segura, mesmo que estou no “espaço do morto”. Acho que ela nunca teve um acidente em toda a vida.

(e agora vou parar de falar sobre isso, porque caso contrário, ficaremos com a raiva dos deuses e isso não queremos!)

A maior parte vai automáticamente, entretanto conversamos. Falamos sobre tudo e mais alguma coisa, não importa, é fácil voltar a um assunto anterior – estamos acostumadas uma com a outra.

Uma amiga dela tem uma cama de casal, quase nova, e se a quero.

Sim, claro. Por favor. Por acaso, temos uma cama que precisa ser substituída na Casa Palmeira. Precisamos determinar quando é o momento certo para buscá-la, porque esta amiga vai com férias, e ela tem que levar as suas galinhas ao abrigo de galinhas.

blogue_Termas-da-Azenha_abrigo-galinhas

Perdão? Ouvi isso bem?

Eu penso: uma piada, como tornei-me um pouco português, e nunca ouvi falar de um abrigo de galinhas. Mas não, a sério, ela tem 3 galinhas e um galo, e eles vão viajar por três mêses pelo sul da Europa. Normalmente, os vizinhos cuidam de suas galinhas, mas, por um período indefinido, não podes pedir isso às pessoas.

Por isso um abrigo. Preciso de algum tempo para gargalhar

“Ah, lembro-me que tinhamos uma galinha doente, há muito tempo, mesmo no início, e liguei o veterinário. Pensei que a falta de entendimento era porque eu já não falava português tão bem, mas não era isso, era porque aquele homem estava atordoado que queria ir com uma galinha doente”, digo rindo, “e só agora entendo o quão tolo era então. Ele pensou que era uma piada.”

“Sim, lógico”, conclui minha irmã, que, entretanto, também aprendeu muito sobre os métodos de agricultura portuguesa e, além disso, vive fora da cidade também, “uma galinha doente … Fim da história. E, se possível, ela vai ser sopa. ”

“Abrigo de galinhas”, acho que é uma ótima idéia, “Existe também um abrigo para galinhas maltratadas? Porque as galinhas que tive, e foram bastantes, não gostaram muito quando o galo as pegou. Todos fugiam. E então isso está pedindo, é claro.”

“Sim, há um pouco mais provocador do que uma galinha que foge”, a minha irmã ria, “porque não começas um abrigo de galinhas nas Termas? Tens o espaço para fazê-lo!”

Haha. LOL. Duvido que haja interesse. Provavelmente não …. mas a ideia é fixe!

blogue_Termas-da-Azenha_abrigo-galinhas

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em segunda-feira em LinkedIn.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....

Crianças com férias

Não é fácil, porém, para escrever um pequeno blog na alta temporada. Está cheio!

Temos um número recorde de crianças-por-volta-da-mesma-idade em casa, tão bom!
Ontem estava a observar o movimento por volta de mim, enquanto tinha uma oficina de mosaico com alguns deles. Havia um grupo na pequena piscina fazendo um jogo de fantasia, e havia um grupo maior ao redor com pistolas de água, paus ou guitarras aos tiros.

Crianças com férias, de repente tinha uma ideia:

.

.

.

.

.

.

.

.

“Seria bom para tirar uma foto de todas”, pensei, mas também sabia que é uma tarefa impossível.

Quando as crianças estão à brincar em paz, é melhor de não perturba-las, deixe as continuar em paz durante o mais tempo possível. Despeje água dum pequeno balde ao outro enquanto conversar entre eles numa maneira muita agradável.

Os pais aproveitam da paz e estão à ler

Por tudo o que é bom para o significado, e eles não podem machucar. Eles fazem barulho, mas é tipo bom barulho. Não é preciso preocupar-se. É parecido com o coaxar dos sapos. Se está aqui no verão, vai ouvir 10 milhões de sapos coaxar, e que realmente fazem muito barulho. Mas é bom, não sofre por causa deste barulho.

.

.

Mesmo se for mais velho, como eu, e seus filhos são grandes, o barulho não é perturbador

Lembra-se como era? Um barulho harmonioso não é ruim, ele só vai atrás de você. Como com os sapos. Nunca ouvi ninguém reclamar sobre isso, que não conseguiam dormir por causa do barulho dum sapo. Assim é com as crianças. Acabou de não ficar incomodado com o barulho, mas quando ele der errado, e a harmonia é perturbada – só então se torna desagradável.

As conversas que pode ter são muito agradáveis

.

.

.

.

.

.

.

Encontrei duas crianças na piscina esta manhã, quando tudo ainda estava tranquilo. Eles são os primeiros de acordar, porque são os mais novos. A menina tem 3 anos, e lançou todos os seus brinquedos na pequena piscina. Isso pode ser impressionante, mas não é tão mau, porque não pode levar todos os seus brinquedos com férias. Houve uma sereia, com um rabo-de-rosa. E coisas coloridas como neon, para mergulhar do chão na piscina, definitivamente não pode perder alí no fundo.

Mas isso é para o irmão mais velho

“Ei, agora olhar o que eu pescava!?” digo surpreendida, “uma sereia! Com um rabo-de-rosa! Como ela chegou aqui?” A menina loira gritou com prazer: “Isso é meu, isso é meu, que pode nadar embora!” Grande irmão agora lança seus brinquedos coloridos de néon para baixo e diz: “Vou mergulhar, olhe! Eu consigo daqui até lá nadando debaixo d’água.”
“Uau” digo, enquanto continuo a limpeza da água,  “Tens que ter cuidado. Há  polvos aqui na água, não viste?!”

Agora é a sua vez de gritar com o riso: “Estes são de mosaico … não precisa de ter medo!

Muito relaxado, esta conversa tão cedo

A maioria dos hóspedes ainda estão a dormir, mas algumas crianças acordam cedo, como eu.
O destaque já acabou, porque ontem algumas famílias mudou-se novamente a´outro sítios ou foram para casa. Mas foi um tempo muito agradável com estas 20 barulhistas!

E vão chegar mais brevemente!

.

.

.

.

.

.

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em terça-feira em LinkedIn.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....

Fanaticos na época alta

Até agora, foi um poucinho aqui, um poucinho alí … uma família aqui, uma família alí … às vezes toda a aldeia está cheia por alguns dias, quando há um festival na Figueira da Foz, às vezes está cheia de mães com o fim de semana do Dia das Mães. A partir de Março vai assim, mais ou menos até metade de Julho.

E então a época alta começa a sério

Os Países Baixos e a Bélgica estão de férias! E desde que Portugal é o país o mais seguro, o mais fixe, o mais engraçado e o mais amigável da Europa, algo que mais e mais pessoas estão descobrindo, o nosso segundo país está sendo preenchido de cima para baixo com carros alugados com pessoas queimadas pelo sol.

Está a começar bem aqui

Para nós, a melhor parte da alta temporada é que encontra todos os tipos de pessoas diferentes. Algumas mulheres espanholas, uma das quais estava envolvida na construção da Sagrada Família de Gaudí e o outro artista de vidro; uma mãe de Dubai com dois filhos que faz uma viagem mundial e ensina seus próprios filhos, e um casal holandês – ele viaja pelo mundo para a KLM e ela está envolvida numa produção especial de teatro na nossa cidade de origem de Roterdão.

epoca-alta-nas-Termas-da-Azenha

Pode ouvir histórias muito interessantes

É claro que eu quero ouvir tudo sobre essa produção de teatro. Minhas raízes estão em Roterdão, e no teatro também, o que quer mais? E o espectáculo chama-se: “Quando partimos de Roterdão”. A primeira frase da música imortal “Ketelbinkie”, uma canção sobre um jovem que estava muito infeliz como marinheiro e morreu no mar.

Lagrimas nos olhos, certo?

Às vezes tenho pena de não viver lá mais, porque  gostaria de ir a esse espetáculo. 

Tópicos que chega para falar sobre, como Portugal é o número 1

Eles vêm cá há anos e, por acaso, é a mesma coisa com todas estas pessoas. Então, eles conhecem Portugal como foi há 30 anos – para que possamos nos tornar um pouco nostálgicos. São Portugal fãs, ou fanáticos, como o Ron disse.

Ron nos fala sobre a primeira auto-estrada no sul, que foi construída em ’93 (!) de Sevilha a Albufeira, porque os jogos Olímpicos foram organizados alí. Desde então, a infraestrutura melhorou, mas também conheço os buracos e os poços dos anos atrás, quando viajei cá pela primeira vez.

Eles continuam a melhorar a infraestrutura

E isso é muito bom, porque todos estamos acostumados a entrar no carro para fazer algo. Um dia para o rio, em direção a Coimbra, vamos dar uma volta, um dia de cultura em mosteiros e catedrais nas proximidades ou fazer desporto no parque de dunas.

São 3 horas e toda a gente está fora

terraço-nas-Termas-da-Azenha-na-epoca-alta

Às vezes, não se nota muito, a época alta, aqui nas Termas-da-Azenha. Houve um casal que ficou em casa, com quem acabei de falar: “Delicioso, a calma”, disse a senhora do casal, “apenas livra-te de todos os estresses – é bom com aquela brisa e os pássaros … Quase adormeci …”

“Bom, certo?” digo: “finalmente você está em Portugal, um país no sul de Europa uma sesta faz parte do arranjamento … dorme bem!”

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em terça-feira em LinkedIn.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....

A primeira impressão

Pessoas que sabem, sempre dizem que a primeira impressão é muito importante.
Bem. Veremos.
Não quero ser teimosa, mas realmente tenho a impressão de que as coisas são um pouco diferentes aqui nas Termas.

Quero dizer, a primeira impressão não precisa de ser a melhor

Esta história de amigos sempre ficou comigo. Eles estavam a viajar de barco, e tiveram que ancorar. Eles já tinham algum tipo de plano, mas na Holanda não é necessário planejar tudo de antemão, porque há marinas suficientes, e pode encaixar seu barco por uma noite no leito do rio – se é preciso. E então improvisa algo com tomar banho, e coisas assim.

Eles chegaram no porto planejado, tornou-se um céu bastante escuro, então continuar não era uma opção.

Tudo parecia um pouco negligenciado, silencioso, e depois com aquela nuvem iminente no céu acima …

As crianças estavam um pouco nervosas com o fato de que não queriam ficar lá, mas o pai disse com firmeza: “Aguarde um momento e amanhã veremos o que pensamos”. E a mãe disse: “Nós faremos algo bonito, vamos gente, vamos fazer panquecas”.

Não me lembro que esta história tem um happy end

Sempre achei que essa atitude positiva era muito impressionante. Já é uma história antiga, e naquela época estava bastante estressada. Isso também mudou muito, com a minha nova casa e o novo ambiente. Uma pessoa aprende. Felizmente, no entanto, porque se eu caminhar como uma galinha sendo perseguida por um galo, ninguém ficaria relaxado.

Mas … não é que precise de uma atitude tão positiva aqui … Não quero dizer que só pessoas positivas gostam de ficar cá … hem …  isso é típico … oh, oh, agora pintei-me numa esquina … como é que vou escapar disto? Eh … talvez seja hora de algumas fotos fixes, pode ver por si mesmo:

some-people-sitting-in-the-corner-on-the-edge-of-the-big-pool

Fairy-Tale-Terrace-mosaic-of-the-tiger

dorpsplein_ons-dorp_gezien-van-de-trap

O que queria dizer com toda essa história é que acredito firmemente que nossos hóspedes pertencem em grande parte ao grupo positivo. Pessoas que vêem o copo meio cheio.

Talvez tem que acostumar um pouco com a atmosfera alternativa, porque é um pouco diferente – as Termas-da-Azenha. Talvez fica impressionado com a forma como vai. E tão diferente e alternativa não é, mas a atmosfera informal às vezes leva algum tempo para se acostumar.

Por exemplo: pode entrar na cozinha para conversar. Se está a acampar aqui, pode colocar as suas compras no nosso frigorífico. Se é inesperadamente fresco, e não trouxe roupas quentes no seu otimismo, pode emprestar uma camisola. Ou meias.
Pode usar a guitarra (e se sabe tocar: ótimo!), ou fazer coisas malucas no Camarim, gritar “oeiii !!” a jogar matraquilhos, e sentar-se no terraço do café com as pernas na outra cadeira.
Alguns fazem estas coisas mais fáceis do que outros.

.

.

.

Palavra chave: sinta-se bem-vindo e em casa

De vez em quando, reservam pessoas que tem que acostumar-se mesmo, que acham que é estranho, informal, diferente, mas não desagradável. Mas uma vez que precebem como funciona, sentem-se relaxionados, bem-vindos, aliviádos das formalidades normais da vida de dia a dia, e a despedida é muito alegre, e muitas vezes é “Até a próxima!”
E a próxima vez também se acontece. Às vezes depois anos, como este casal, que visitou as Termas há 9 anos. Ele disse-me: “Nos nunca voltamos mas aqui é outra coisa”. Claro que fico muito orgulhosa com isto!

blogue_primeira-impressão

Veja na nossa página de Facebook quantas pessoas achem que são amigos com as Termas.

É bom. Essa é a recompensa mais bonita que uma anfitriã pode obter. Não é?

.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....

Fogo Florestal

Este blog é sobre o fogo, não podia ser sobre mais nada. Foi apenas a alguns dias atrás, que terminou o luto nacional, e que o nosso próprio tsunami de “Tudo-bem-com-vocês?” parou.

Fogo faz parte da vida em Portugal

forest-fire-and-a-helicopter

Pelo menos de vez em quando. Nos últimos anos não foi tão mau, porque foi sempre uma temperatura agradável – por volta de 25º. Ideal! É bom para a piscina, as plantas gostam, e eu vou por aí a cantar.

Quando torna-se mais quente, como na semana passada quando chegamos ao 37º, em seguida, o risco de incêndio aumenta com cada grau. Agora aqui na costa é muito raro, ser assim tão quente.

.

A última vez que me lembro, certamente, foi há 15 anos

Nós também tivemos um incêndio florestal. “O fogo de 2005” ainda chamamo-lo, porque foi muito impressionante. Tudo começou com um círculo em torno de nós, nuvens de fumaça no horizonte. Veja e acha que: Oh, isso é muito longe. É apenas um pouco desconcertante.

Mas quando começou no Moinho de Almoxarife, a 5 km de distância. O vento agita o fogo, e rasteja na grama além, e com faíscas voando pelo ar. Com nós, é uma situação estranha: de um lado da estrada não há muito que pode acontecer, porque está na borda dos campos. E a água flui.

Do outro lado da estrada começam as colinas. A nossa terra corre para o topo da colina, onde a plantação de eucalipto do vizinho começa. Felizmente, ele tinha acabado de limpar, e todas as pequenas árvores foram plantadas. Tínhamos uma mini-floresta na nossa colina.

Tenho um respeito ilimitado para os bombeiros

o-jeep-do-comandante-dos-bombeiros

Eles sabem exatamente o que fazer. O comandante dirige ao redor no seu jipe, mantendo um olho em tudo, e dá às suas ordens. Eles mantêm um olho em casas, e se em risco, eles vão colocar extinguir o fogo, tendo em conta o vento e a velocidade do fogo.

Naquele tempo eles vinham abastecer numa bacia próxima, por isso tivemos bombeiros por perto  todo o tempo. Com alguns intervalos em que pararam, caíram dos seus carro, e nós, trouxemos lhes cerveja gelada e sanduíches saborosas, para que pudessem continuar. Três dias seguidos.

Vi uma floresta a arder, com um par de bombeiros, que explicaram que eles não podiam extinguir, então tem que deixar pedaços. Ok, entendo. E também, tudo é coordenado, quando os aviões deixam cair a sua carga,  não tem que ir lá com uma mangueira.

O que achei notável é que muitas pessoas vieram para ver. Eles estavam dirigindo lentamente sobre a nossa estrada normalmente tão quieta. Foi um caos e tiveram que sair do caminho rapidamente para os bombeiros poderem passar.

A tragédia de Pedrógão Grande

Na semana passada, em Pedrógão Grande foi uma tragédia, porque muitas pessoas fugiram em pânico. É uma área muito arborizada, com pequenas estradas através da floresta. Há muitas pessoas  de Lisboa vem para a sua casa de fim de semana –  não sabem exatamente onde vivem e o que fazer se algo deste gênero acontece.

Muitos moradores mais velhos da região ficaram em casa e  manteram tudo molhado. Admiro-los tremendamente,  devem ter nervos de aço. Vi aquele incêndio de pelo menos meio quilômetro de distância, mas se passa pelo seu quintal é muito difícil não entrar em pânico.

Acabou, graças a Deus

Esta é a discussão nacional sobre o que deve ser feito foram retomadas. Porque era uma situação tão excepcional, algo que nunca realmente ocorreu. Vamos todos garantir que isso nunca aconteça novamente!

 

Dicas:

– não fazer um fogo ao ar livre, especialmente se faz faíscas

– usar um churrasco à gás

– por cigarros em água, nunca mande as fora

– Dê suas plantas água suficiente para que eles não sequem

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em terça-feira em LinkedIn.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....