Tag Archives: botas

Um exercício em atenção

Se pensas demasiado sobre o futuro, vais ser infeliz. Diz a ciência.

Infeliz, inquieto e ansioso.

(apenas não acontece quando estás apaixonado, nessa situação não há nada mais agradável do que pensar sobre o futuro)

É pena mas não estou apaixonada, por isso não devo pensar demasiado sobre o futuro.

Por isso prático mindfulness – atenção

Está na moda, pois não? Ou não? Já passou?

Bom. Cá vamos nós.

Visto as minhas meias. Tiro os pedaços de relva, acabei de cortar a relva. O pomar está pronto, apenas acabar os cantos. Oops! Posso pensar sobre isso? Isso foi no passado e o futuro … oi, volta para o presente!

Tirar os pedaços de relva … veste a outra meia … veste a bota, agora a outra ….

Pelo menos tenho isto! Meias e botas! E consigo vesti-las. Pode ser diferente com pessoas da minha idade!

blogue-atenção-botas

Isso é a outra coisa, ajuda ser alegre, calmo e amigável:

grato por o que tens.

Eu tenho muitas coisas. Uma aldeia inteira, para começar.

Dois filhos lindos, inteligentes, adultos …. um telefone novo … bastante reservas para o verão …

Devia estar muito grata

(e estou muito grata, mesmo, mas sempre há aquela coisa, tens que limpar, pintar, renovar; e então a gente pode ter preocupações sobre os filhos; e aquele telefone que têm uma personalidade muito sensitiva – parece ter mesmo; e ainda há espaço no início de Julho para mais reservas … por isso … ah sim, estava ocupada com as minhas meias e botas!)

Pronto … as botas. Espero que pode pensar sobre os planos que fizeste para o dia? Senão este mindfulness é inútil.

Ainda é uma caminhada para o pomar. Passo o terraço “Conto de fadas”: …. aquela maca tem que ser arrumada, e temos que varrer …. oi, não, para!

‘tas a andar. Anda … anda, anda, anda ….

Difícil, mindfulness!

Meditar é uma coisa que faço a anos e vai muito bom, todos os dias meia hora, mas isto não conecta muito bem.

Não é o meu tipo de coisa. Se me vês a varrer, quer dizer que estou a pensar sobre outras coisas. Eu gosto de imaginar coisas. Eu acho que o lema de um amigo descreve-me perfeitamente: “A melhor fonte de diversão tens sempre contigo” – com isso ele quer dizer a imaginação. Claro.

Não exatamente a minha coisa, aquele mindfulness. Temo que a minha cabeça está demasiado cheia ….

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em terça-feira em LinkedIn.

 

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....