azulejos azulejos azulejos

De onde é que vêm todos estes azulejos?

Uma pergunta interessante, que eu ouço muitas vezes. Eu tenho por volta de 5 lugares onde eu guardo os meus azulejos. Tenho por volta de 40 metros quadrados cheios de azulejos. Agora eu pergunto mais frequentemente: Aonde vou deixar estes azulejos?

Eu sou um pouco gananciosa, bem quando falamos sobre azulejos sou.

Na semana passada passou uma amiga. Ela é tão entusiástica como eu sou: pelo menos quando falamos sobre mosaicos. Por isso começamos um novo. Depois da Astrid acabou o príncipe**, tivemos um desafio. Não havia azulejos cor-de-rosa que chegue para completar o mosaico.

Por isso tivemos que ir a fabrica buscar mais

Isto deve ser a décima vez que fomos lá. Sempre foi a minha fábrica favorita, mas já fechou a alguns anos. Não correu bem para eles, foram à falência. Todo o estoque foi vendido, tudo menos o que está no site de sobras (os azulejos que não podem ser vendidos devido a alguma deformidade vão para lá). Isso sempre foi o meu lugar favorito.

A escavar tesouros entre azulejos coloridos

Agora é quase uma ruína, e os azulejos agora são montes escorregadios. E todos aqueles halls gigantes estão vazios, muito diferente de 5 anos atrás. Há 5 anos atrás os empilhadores conduziam entre pilhas de azulejos novos, para carregá-los em camiões. Não podias entrar sem ter permissão.

O engenheiro e eu rapidamente tornamo-nos amigos

A primeira vez que eu encontrei o engenheiro foi quando o mostrei alguns mosaicos que eu fiz. Ele ficou muito entusiasmado, e vendia-me azulejos coloridos por pouco. Depois de algum tempo ele também deixou me ir para o site de sobras. O nome diz tudo, ainda sobram alguns (várias paletes de 3 metros de altura cada) e eles nunca iam conseguir livrar-se deles. A não ser dando os a pessoas como eu.

O engenheiro mandou fazer alguns azulejos vermelhos especialmente para mim. Ele teve que fazê-lo em segredo, porque ele queria encontrar num café lá ao lado – ninguém podia ver. Eu achei que era muito encantador! Era uma emergência, nós precisávamos muito de azulejos vermelhos , e esses não são muito produzidos. Podes verificar quantas casas tem azulejos vermelhos?

.

As vezes lembro-me das paletes com notas em cima: para Dubai, às Emirates, Dinamarca

E as vezes penso que a generosidade deles foi o que os levou a falência. Mas eu tenho muitos azulejos, mas talvez não que chegue!

Nunca que chegue, vais sempre ver. Tivemos que ir lá para azulejos cor-de-rosa.

É uma boa desculpa para ir lá …. É sempre engraçado escavar para encontrar tesouros.

.
** Inspiração: o conto de Eliza e os 11 cisnes.

.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

http://www.termas-da-azenha.com/pt/oferta-atraente/

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pintereste em terça-feira em LinkedIn.