Bastardo afortunado

Ooooo, por que sempre tudo acontece ao mesmo tempo? Você pode ficar entediado por uma hora e, de repente, estão lá os hóspedes esperados, alguém quer aluguer toalhas, outra pessoa que quiser uma informação, mais uma que vem com algumas perguntas e um outro quer pagar e sair. Além disso, uns hóspedes INesperados.

Então estou tão feliz que meu filho mais novo também trabalha aqui

blogue-Termas-da-Azenha_cachorro-afortunado

Ele acompanhou os hóspedes inesperados para mostrar os terrenos de campismo.

Temos um terreno na colina e uma área adjacente à praça da aldeia. É isso mesmo, simples, natural. Ambos têm seu próprio edifício, abaixo é chamado “LaVaTóRio” e acima “The Bunker”.

Deve dar um nome à todas as coisas e todos os sítios, caso contrário é malucoura explicar as coisas o tempo todo

Os campistas inesperados escolheram na colina. Boa escolha, mas um pouco complicado para entrar com uma carrinha. É bastante ínclinado. Você tem que andar e nunca mais freir antes de estar no sítio. Mesmo um pouco de hesitação pode fazer a diferença entre fácil-de-alcançar ou regressar-e-começar-de-novo.

Ela veio com uma camioneta amarela muito grande e muito bonita

E não tínhamos tido isso antes, só carros normais. Depois de um tempo ela voltou, ela e sua filha, um pouco estressadas, claramente enrugadas pela experiência. “Eu não posso seguir em frente, e tenho medo para voltar para trás”, disse ela, presa no banco em frente da recepção.

“Se confias em mim, eu consigo fazer”, respondi, felizmente livre de novos compromissos, “eu consigo descer com ela.”

Aliviado, ela entregou as chaves

“Que bela carrinha!” eu disse com entusiasmo: “Terei muito cuidado com isso. Se ficas lá na estrada para parar o tránsito, vou deixa-la descer lentamente.”

“Sim, claro”, ela já riu, “todo esse tráfego, definitivamente! Mas tudo bem, pode haver alguma coisa, então vou ficar cá. Além disso … quero ver isso! ”

Nunca dirigi uma carrinha tão amarela. Verifico tudo, o motor funciona, por segurança, e pisei na embreagem. E então muitas vezes no freio. Lentamente, mas com certeza caímos.

“Bom, obrigada powerlady!” Irma chamou sua filha ao lado dela, “Agora, acho melhor que vamos estar lá em baixo!”

Então eles ficaram por um dia ou 10, e ficamos grandes amigas

Numa manhã muito linda, de repente ela desceu com um cachorro preto e branco numa corda. “Olhe agora, o que aconteceu comigo!” Ela me ligou, “o que achas desse querido?”

Imediatamente entendi o que era e respondi muito espontaneamente com: “Oh, não, faz favor! Eu não quero mais um cachorro! ”  Sem hesitação a Irma respondeu: “Mas eu sim!”

blogue-Termas-da-Azenha_cachorro-afortunado

E esse foi o sinal para eu deixar imediatamente toda a resistência.

Sim, pode pensar: que reação dura, fria e desagradável, mas nos últimos 20 anos encontrei / salvei da morte de fome / retirei do contentor de lixo / apanhei da estrada pelo menos 1 cão por ano em média e tentei encontrar uma boa casa para eles, então acho que tinha a minha porção.

Além disso, um cão perdido está relutante em combinar com os hóspedes (dormindo)

Cães perdidos só conseguem aprender coisas com muita atenção e amor. Ofereço amor, mas não tenho tempo nem patiência para dar-lhes tanta atenção.

Este cão vai com a nova família ao norte

Se um cão português tivesse percebido, ele pensaria: “O que? Um lugar especial de dormir separado com um colchão e um cobertor? E elas dão-lhe um banho?” (Brrrr …. mas bem: sem pulgas.) Eles querem dar-lhe carinhas e brincar? Brincar? Wow! E comida suficiente todos os dias? Isto é …o céu! ”

O único preço que este ponteiro (porque parece ser desta raça) tem que pagar é uma visita ao veterinário, após o que ele passará a vida como um sabe-o-que-cão.

Com base nos dados mais recentes, poderia dizer que o título deste blogue é completamente falso, mas eu o mantenho: ele tem muita sorte!

.

Nós viemos para portugal em 2000 de Roterdão, Holanda para as Termas da Azenha, Portugal. Um passo grande, especialmente com duas crianças pequenas. Estamos ocupados a reconstruir um sítio que é considerado uma herança cultural.

Termas da Azenha, são termas antigas que transformamos em casas de férias, quartos e campismo, com piscina. Vai encontrar mosaicos e pinturas em todo o lado. O balneário velho agora é um museu.

Cada semana um pequeno blog sobre o que acontece ao nosso redor, nas Termas-da-Azenha e em Portugal. Alègre, leve, uma leitura fácil. Alguns minutos noutro mundo. Se gosta ter uma experiência connosco, ligue 916 589 145, e descobre o nosso site – temos descontos interessantes para si!

Pode subscrever:

 

Mandamos-lho todos os fins-de-semana.

No domingo, parte da manhã o publicamos na nossa página do Facebook, no Google+, no Pinterest, e em segunda-feira em LinkedIn.

You like? Please like! And sharing is not forbidden ....

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *